domingo, junho 25, 2006

16o. dia, primeiro das oitavas

Furacão, tempestade, terremoto, energia da torcida
A seleção alemã, toda atenta e aguerrida
A Suécia pega na bola
Sem respirar
A Alemanha arquiteta jogadas
Para marcar
Parecia a Suécia num passeio no bosque
E a Alemanha destruindo com Podolski
Dois a zero, passaporte para as quartas
A Suécia não chegou a tirar fina
Será a Argentina?

Em seu jogo contra o México, Sorín pouco fez
Um petardo de Pardo na área, gol de Rafa Marquez
Em pouco tempo, empatou Crespo
Sem respirar
O jogo ficou equilibrado
Sem mais ninguém marcar
O tempo passa, o juíz anula gol
Messi faria, México cairia
Prorrogação
Voltam os latinos á ação
Então perto do fim
Ressurge Sorín
Com um cruzamento
Parecendo casamento
Entre seu pé e o peito de Maxi
Que se lembrou de Maradona
E a bola ficou lá paradona
No fundo do gol
Depois de uma pintura
Que formosura
Postar um comentário