sábado, dezembro 09, 2006

Miraku, no Fundinho



Fui sequestrado. Um sequestro do bem. Pra quem estava acostumado com minhas postagens diárias já há mais de um mês, deve ter estranhado não postar por mais de 24 horas. Neste sequestro amoroso, fomos conhecer um restaurante que já estava em nossos planos há muito tempo. E não nos arrependemos. Somos adoradores de comida japonesa, e o Miraku nos ofereceu um belo shimeji, e um combinado com sashimis belamente cortados, fininhos, robalo com limão, salmão, atum, filadélfia, enfim, um banquete completo. Enfim, recomendaremos o restaurante a muitos e muitos amigos e conhecidos, sempre que surgir o papo " Uberlândia/restaurantes bons". Isto, não deixei nenhuma dúvida do quanto adorei este restaurante. Agora deixa eu falar daquela parte que eu não resisto, a das tiradas estapafúrdias. Esta eu nem me esforcei tanto, quando juntaram as duas palavras, já caí na risada.
Pois vejam só que o endereço do Miraku é Rua Coronel Manuel Alves, no Fundinho, um bairro de Uberlândia. Voltemos, voltemos, rewind...
Pois então o restaurante é o Miraku, no Fundinho.
Foi o restaurante com o nome mais anal que já fui em minha vida.
E se ainda falamos que o Miraku fica lá no Fundinho, na Coronel Manuel Alves...aí que os familiares do coronel que dá nome a esta rua não devem gostar muito.
Pois caros proprietários do Miraku: me ofereço a pensar num outro nome para o endereço.
Ou deixar este mesmo, pois idéias estapafúrdias como esta não surgem todos os dias.
E eu não estou aqui para tirar clientes deste restaurante.
Pelo contrário: os nomes Miraku, Fundinho, Uberlândia e comida japonesa estarão registrados nas buscas da Internet, num local só.
E quem entrar aqui, ao buscar por estas palavras, verá belos elogios ao local, e à sua comida.
Mas a brincadeira com os nomes foi irresistível.
Só menos que a comida do restaurante.

Na volta do sequestro do bem, nos deparamos na estrada com este belíssimo arco-íris.
Lá no fundinho...
Postar um comentário