sexta-feira, agosto 18, 2006

E lá em Cincinatti...

Primeiro Murray fez Federer despedir-se cedo
Cinquenta e cinco vitórias depois, finalmente
Quando todos esperavam semi Nadal e Robredo
Veio Ferrero ressurgir, pareceu jogar contente

Connors, aquele que mais ganhou torneios
Surgiu para Roddick renascer, seu tênis crescer
Mostrou para o ex-Gilbert todos seus voleios
O inglês estava cansado, não quero desmerecer
Mas...
Hoje dá Gonzalez ou quem com ferro Ferrer?
O vencedor pega o Andy, pupilo de Connors
Com todas honras
Já nas damas, continua bonito com Hingis
A campeã que o mundo sempre quis
Postar um comentário